Existe uma ferramenta muito poderosa que é utilizada para diversos fins, ela é tão poderosa que se utiliza até em situações mais delicadas, como por exemplo, em casos de depressão e síndrome do pânico. Esta ferramenta chama-se Ação, mas pode ser encontrada com outros nomes também. Ela pode ser representada basicamente por três círculos como na imagem a seguir:

Cada cor contida na imagem representa algo. O vermelho é o ser humano, o marrom é a zona de influência e o laranja é o universo.

O vermelho é correspondente a área que o ser humano é capaz de agir, por exemplo, comer, regar as plantas, ler um livro, falar com alguém… Qualquer ação que esteja ao alcance de uma pessoa. Já a parte marrom é o campo que essa pessoa é capaz de influenciar, como por exemplo, após regar as plantas elas crescerem, após pedir um favor, alguém ir e fazer o que foi pedido, ou seja, tudo que é influenciável diretamente. E por último, a área laranja é o universo, corresponde à maior parte, é tudo aquilo que não depende de nós, coisas que gostando ou não acontecem, como comprar algo e vir quebrado, fazer o possível e obter ou não os resultados na altura das expectativas. Essa parte é da aceitação, não há o que fazer para muda-la.

 

Quando gastamos tempo tentando mudar o que está no nível universo, nós começamos a gastar nossa energia, e acaba sobrando pouca energia para o restante das coisas que precisamos resolver. Para desde o início essa energia ser poupada para o que realmente importa é preciso identificar o problema, e não ficar se gastando e se preocupando com o que não está ao alcance, e sim para e se perguntar “O que eu posso fazer?”, dessa forma irá focar no que é possível fazer e concentrar na área do ser humano, que é justamente a área que o ser humano pode agir. Dessa maneira a nossa energia continua alta e direcionada para a solução e não para o problema.

Exemplo:

1. João esqueceu de fazer o trabalho da faculdade. (Este é o problema, como é algo que já passou, está na área do universo, ou seja, não é possível mudar).

2. João conversou com o professor e pediu para que adiasse uns dias a data de entrega. (Área do ser humano, ação, ele analisou e fez o que estava ao seu alcance).

3. O professor escutou e decidiu adiar a entrega do trabalho para o dia seguinte. (Zona de influência).

4. João agora pode agora escolher entre gastar sua energia se preocupando e achando que o prazo é muito curto porque é muita coisa para fazer em apenas um dia, ou focar e investir essa energia na realização em busca do objetivo.

 

A energia está diretamente relacionada ao nosso estado emocional, quanto maior a energia, melhor é o estado físico e mental do indivíduo. Com apenas a realização e a prática da ferramenta Ação é possível melhorar muito a saúde emocional e assim cuidar da nossa mente e poupar o corpo também.